Bem vindos à R4W Assessoria Esportiva

Bem-vindos R4W Assessoria Esportiva!

A R4W é especializada em promover programas de qualidade de vida personalizada, treinamento de corrida de rua para pessoas iniciantes, amadora e aqueles que desejam alcançar o rendimento, respeitando a individualidade e os limites de cada participante.

Com ampla estrutura e locais estratégicos, a R4W está pronta para atender as necessidades dos participantes de forma individual, em grupo e a grupos corporativos.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Voce sabe o que é Síndrome da Tensão Tibial medial?


Por  Vanessa Villar - Fisioterapeuta: Crefito: 3/67664- F
cel: 7872-3892








Muito comum entre os corredores, a STTM, ou mais conhecida como “canelite” é a inflamação nos tendões ou músculos da região da tíbia (perna). Se a sobrecarga persistir sem nenhum tratamento esta inflamação pode evoluir para uma fratura por estresse, tendo um tratamento mais demorado ou até mesmo cirúrgico.
De acordo com Debbie Craig da universidade do norte do Arizona algumas evidências científicas são observadas:

1 – Fatores de Risco: pronação do pé, aumento da tensão dos músculos da planta do pé, erro de treinamento (responsável por 60% dos casos), déficit de cálcio, treinamento em terrenos inclinados, calçados inadequados e lesões prévias.

2- O músculo sóleo (na “batata da perna”) tem relação com esse tipo de lesão devido ou a pequenas rupturas de suas fibras ou pela transmissão de força ao osso durante o exercício.

3- Os principais métodos preventivos são: calçados adequados, controle de treinos de corrida, mobilização dos ossos do pé, fortalecimento e recuperação muscular, repouso correto da musculatura.

O que pode ser feito para não ter esta dor?
É importante seguir o treinamento proposto pelo seu treinador, o alongamento antes e depois da atividade física e utilização e troca correta do tênis.

Como saber qual tênis usar quanto ao tipo de pisada?
PISADA NORMAL: onde se inicia o contato com o solo do lado externo do calcanhar, após uma rotação moderada para dentro, terminando a passada no centro da planta do pé.

PRONAÇÃO: A pisada também se inicia do lado externo do calcanhar, ou às vezes um pouco para parte interna, para então ocorrer uma rotação acentuada do pé para dentro, terminando a pisada perto do dedão.

SUPINAÇÃO: A pisada se inicia no calcanhar do lado externo e se mantém o contato com o solo do lado externo, terminando a pisada na base do dedinho.

Para saber seu tipo de pisada sem gastar muito, verifique se calçado velho:
Desgaste da sola na planta do pé= pisada normal ou neutra;
Desgaste do lado interno= tendência a pronação;
Desgaste do lado de fora do pé = tendência a supinação.

Referências:
Lesão tíbia por estresse: Fonte: Acta méd.(Porto Alegre) 29:90-101, 2008
Lilics ID: 510243
Autores: Rosa, Tatiane Santana, Balze, Carlos, Sarafini, André
Artigo: Prevalência da síndrome do estresse tibial medial em corredores amadores (unesp, Goiás, sef2009-0357-1-A-01).
http://www.copacabanarunners.net/
http://www.atleta-digital.com/
http://www.webrun.com.br/
http://bangsports.com.br/art5.htm



Nenhum comentário:

Postar um comentário