Bem vindos à R4W Assessoria Esportiva

Bem-vindos R4W Assessoria Esportiva!

A R4W é especializada em promover programas de qualidade de vida personalizada, treinamento de corrida de rua para pessoas iniciantes, amadora e aqueles que desejam alcançar o rendimento, respeitando a individualidade e os limites de cada participante.

Com ampla estrutura e locais estratégicos, a R4W está pronta para atender as necessidades dos participantes de forma individual, em grupo e a grupos corporativos.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Fibras: aliadas do bom funcionamento do corpo

O efeito positivo das fibras no funcionamento do intestino é bastante conhecido há algum tempo. Mas seus benefícios não param por aí. Aqui vão algumas dicas que mostram a importância de uma alimentação rica em fibras. 

·         Ajudam a manter a glicemia estável, fator importante na prevenção de diabetes tipo II e no controle de quem já tem a doença;
·         Ajudam no controle do colesterol, atuando assim na saúde cardiovascular;
·         Muitos estudos mostram que indivíduos que consomem quantidade adequada de fibras diariamente têm menor chance de ter câncer.
·         E os estudos mais recentes já relacionam o consumo das fibras com o bom funcionamento do sistema imune, já que as fibras reduzem as infecções e risco de processos inflamatórios associados ao sobrepeso e obesidade, além de diminuir o tempo de recuperação e cura.
Alguns alimentos ricos em fibras fáceis de incluir (ou substituir) no dia-a-dia:

- pães, biscoitos e torradas integrais – uma sugestão para lanche da tarde: uma torrada integral com Polenghinho com fibras e uma maçã pequena
- arroz integral com feijão – o feijão é naturalmente rico em fibras, então substituindo o arroz branco pelo integral, você garante 2 porções de fibras em uma refeição

 Procure consumir ao menos 3 porções de fibras diariamente, para uma alimentação muito mais saudável.

 



Consultoria em nutrição e gastronomia saudável, com foco em saúde da mulher, gestantes e crianças.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Por que contratar uma Assessoria Esportiva?

Por: Profº. Esp. Erivaldo Moreira  (Branco)

O número de pessoas que procuram serviços especializados de atividade física, em especifico o de treinamento de corrida, vem aumentando de maneira considerável nos últimos anos.

Profissionais de diversas áreas de atuação como advogados, arquitetos, dentistas, médicos, entre outros, vem recorrendo aos mais diversos grupos de corrida espalhados nos parques e praças da cidade.

Tais grupos de corrida são organizados pelas assessorias esportivas, empresas que planejam, desenvolvem e acompanham o treinamento dos clientes.

A maioria dos clientes procuram as assessorias em busca de uma atividade bem orientada.

Os objetivos são os mais variados.

Há quem se preocupe com bons níveis de saúde e qualidade de vida, com estética, com performance competitiva.

Alguns procuram as assessorias pelo pertencimento a uma rede social com interesses em comum.

Os que objetivam a perda e controle de peso encontram nas assessorias esportivas uma atividade ideal para este proposito. A resistência aeróbia é bem desenvolvida com treinos adequados de corrida e caminhada.

Não é raro encontrar aqueles que optaram por uma atividade ao ar livre como alternativa a academias de ginástica.

Independente dos objetivos, na contratação de uma assessoria esportiva, sua condição física deve ser levada em consideração. Toda atividade física deve ser prescrita dentro de suas reais possibilidades.

Um programa adequado de treinamentos só traz grandes vantagens aos praticantes, pois promove a potencialização de várias qualidades físicas como: velocidade, força, resistência, flexibilidade e agilidade. Um programa para que o cliente se fortaleça por igual.

Os benefícios dos treinos com assessoria esportiva vão além da melhora das capacidades físicas. Possibilitam ainda ganhos como melhora na disposição, melhora no humor, boas noites de sono, entre outros em longo prazo como um retardo na regeneração de algumas estruturas comumente acometidas pelo processo de envelhecimento.

Os treinos devem ser elaborados de acordo com os princípios do treinamento desportivo. Para atingir os objetivos, o treino deve ser organizado através de mesociclos, microciclos e sessões diárias. Tudo isso compreende um macrociclo que corresponde a uma temporada de treinos.

Todos os ganhos só são possíveis com profissionais qualificados. Ao iniciar um programa de atividade física é imprescindível consultar uma empresa séria cujos profissionais sejam especialistas em treinamento.

Na R4W Assessoria Esportiva você encontra profissionais qualificados que desenvolvem programas personalizados, de acordo com os objetivos e tempo disponível de cada pessoa, orientando-a adequadamente para melhor rendimento no seu dia-dia e durante a prática esportiva.

Metade dos homens está acima do peso no país, mostra pesquisa nacional

Fonte: Folha.com



A população brasileira está ficando mais gorda em velocidade acelerada. Dados da POF (Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgados hoje indicam que o total de homens acima do peso na população de 20 anos ou mais chegou a 50,1%. Na POF de 2002-2003, essa proporção era de 41,4%.

O aumento de peso pode ser percebido em todas as faixas etárias, independente do sexo, da região ou da faixa de renda. Entre as mulheres, a proporção de pessoas acima do peso aumentou de 40,9% para 48%.

Na prática, quase metade da população está acima do peso.

A pesquisa mostra ainda o avanço da obesidade nas últimas décadas. Desde 1974, o percentual de homens obesos mais do que quadruplicou (passou de 2,8% para 12,4%). No mesmo período, a taxa registrada entre as mulheres dobrou e passou de 8% para 16,9%.

A obesidade está associada ao maior risco de doenças cardíacas, diabetes, hipertensão, entre outras.

Excesso de peso e obesidade estão ligados a um desequilíbrio entre a ingestão e a utilização de calorias. Segundo o IBGE, a explicação para o aumento da frequência dessas condições está relacionado a mudanças nos padrões de alimentação e na prática de atividade física da população.

O parâmetro utilizado para definir se o peso de um adulto é adequado é o IMC (Índice de Massa Corporal). Ele é calculado com a divisão do peso em número de quilos pelo quadrado da altura. Se uma pessoa pesa 60 kg e tem 1,68m ela deve dividir 60kg por 2,8224. Neste exemplo, o índice será de 21,2 kg/metro quadrado.

Pessoas obesas têm IMC igual ou superior a 30 kg/metro quadrado. O excesso de peso ou sobrepeso ocorre quando o IMC fica entre 25 e 30 kg/metro quadrado.

DEFICIT DE PESO

A pesquisa mostrou ainda que o percentual de adultos com deficit de peso recuou para 2,7% da população. Pessoas com deficit de peso têm um IMC inferior a 18,5 kg/metro quadrado.

Segundo o IBGE, uma população passa a ser caracterizada como desnutrida quando 5% de seus integrantes estão abaixo desse índice. No Brasil, alguns recortes da população feminina estão acima desse patamar, como as mulheres na faixa de 20 a 24 anos (8,3% de deficit de peso), as mulheres em domicílios rurais do Nordeste (5,5%) e as de menor faixa de renda (5,7%).




http://www.educacaofisica.com.br/noticias_mostrar.asp?id=9504

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Mandamentos para Manter a Qualidade de Vida



Os dez mandamentos de Nuno Cobra, preparador físico: 
1- Durma pelo menos oito horas e tente acordar sem despertador. "Ele é uma agressão ao organismo".
2- Alimente-se em pequenas quantidades a cada três horas.
3- Cheire a comida, pegue as folhas com as mãos e mastigue o mais devagar possível.
4- Exerça alguma atividade física pelo menos três vezes por semana. Uma hora de caminhada pode ser praticada por qualquer pessoa, em qualquer lugar, e é suficiente para obter os benefícios do esporte.
5- Evite ficar nervoso. Em situações de stress, experimente bocejar e espreguiçar.
6- Dedique pelo menos quinze minutos do dia à meditação. Escolha um local silencioso, sente-se numa posição confortável e se esqueça da vida.
7- Tome ao menos dois banhos frios por dia. Esse hábito é energético.
8- Nenhum tratamento irá funcionar se você não abandonar seus vícios, a começar pelo cigarro.
9- Quando fizer exercícios físicos, concentre-se apenas neles. Não leia enquanto pedala na bicicleta nem ouça música enquanto corre.

10- Preste atenção ao fluxo de ar que entra e sai de seu pulmão e procure respirar mais profundamente.Faça elogios com mais freqüência. Essa tática funciona como um ímã e faz com que todos queiram estar a seu lado."

Nuno Cobra 

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

R4W Assessoria Esportiva na Mídia!


Boa tarde!





Informamos que no último domingo 22/08, saiu mais uma  matéria com a colaboração da Run For Win Assessoria Esportiva na Revista da Hora Jornal Agora São Paulo.
E acrescentamos que próximo mês (Setembro) teremos mais duas matérias publicadas nas seguintes revistas:

Women's Health

Shape,  onde pela 2ª vez, a R4W antiga (Run For Win) é convidada a dar consultoria em assuntos relacionados à pratica de atividade física, bem como treinamento de corrida! 




Além dessa revistas, já escrevemos também para Dieta já e Men's Health


Motivo de muito orgulho para nossa Assessoria, que a cada dia ganha seu espaço, credibilidade e confiança, além de prestar melhores serviços com excelência, qualidade de vida e bem-estar para nossos alunos e seguidores. 

Pois são compromissos da R4W estar entre as melhores empresas de Treinamento Esportivo e Qualidade de Vida;

Proporcionar aos nossos alunos a participação em uma equipe vencedora;
Promover a prática regular de exercícios;
Orientar para uma alimentação adequada;
Prevenir e reverter problemas de saúde;
Propiciar condições para o equilíbrio profissional e pessoal. 

Corra para vencer. Sua saúde depende de você!

É isso ai pessoal!!!
Um abraço, bons treinos!!!










quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Treino bem nutrido!






Agora a R4W Assessoria Esportiva conta com a mais nova parceria do Projeto Alimenta consultoria em nutrição e gastronomia saudável, focada em saúde da mulher, gestantes e crianças.



Artigo da Nutricionista: Renata Lacaz, nutricionista do Projeto Alimenta - consultoria em nutrição e gastronomia saudável, focada em saúde da mulher, gestantes e crianças.

A prática de atividade física já é bastante conhecida como um dos pilares para um estilo de vida saudável. Hoje, temos a certeza que o exercício não só ajuda na manutenção do peso e melhora da composição corporal (menor porcentagem de gordura e maior de massa magra), mas também exerce papel fundamental na conquista de um bom estado de saúde, trazendo diversos benefícios para nosso organismo em todos os aspectos (físico, mental e emocional).
Outros benefícios da prática regular de atividade física:
ü      Melhora do tônus muscular;
ü      Maior flexibilidade;
ü      Fortalecimento dos ossos e articulações;
ü      Influência no metabolismo de gorduras e açúcares, ajudando no aumento do nosso “bom colesterol, o HDL” e na diminuição dos níveis do “colesterol ruim, o LDL”, além de proporcionar maior estabilidade da glicemia;
ü      Diminuição da pressão arterial;
ü      Redução do stress e ansiedade;
ü      Melhora da auto-estima;
ü      Sensação de bem-estar;
ü      Maior consciência do próprio corpo.
Cuidados com a alimentação também fazem parte de uma vida saudável. Em uma nutrição adequada estão presentes, pelo menos 5 porções de frutas, verduras e legumes ao dia, grãos integrais, azeite de oliva, castanhas e sementes, leite e derivados de leite desnatados, carnes magras e ao menos 2 litros de líquido diariamente. De uma maneira geral nossa alimentação deve ser bastante variada e colorida, garantindo todos os nutrientes necessários. A alimentação também deve ser fracionada em café da manhã, duas grandes refeições principais e pequenos lanches nos intervalos, evitando o jejum por mais de 4 horas.
 Para pessoas que praticam atividade física, os cuidados com a alimentação são mais específicos: a nutrição é fundamental para o bom desempenho físico, fornecendo energia como combustível para a realização do exercício, reduzindo a fadiga e acelerando a recuperação entre os treinos.

Antes do treino
A alimentação pré-treino funciona como um combustível nos dando energia para a prática da atividade. Ela deve ser leve e composta de preferência de carboidratos de boa qualidade, que são carboidratos integrais ou com alto teor de fibras como as frutas, especialmente em atividades de resistência como corrida e natação. A ingestão desse tipo de carboidrato faz com que a energia seja liberada aos poucos, de maneira gradativa durante o exercício, poupando nosso músculo e garantindo com que não nos falte energia!
 O carboidrato fornece uma fonte facilmente disponível de energia para o músculo, e na sua ausência, o corpo irá utilizar proteínas como fonte de energia podendo provocar diminuição da massa muscular.  A presença de grande quantidade de proteína e gorduras nas refeições pré-treino pode levar mais facilmente à desidratação, fadiga precoce e desconforto.
IMPORTANTE: o jejum antes do treino não ajudará em nada, nem mesmo aquelas pessoas que tem como objetivo o emagrecimento. Se alimentar de forma correta, nos dá mais energia para treinar e assim gastar mais calorias, além de proteger nossa massa muscular, evitando flacidez num primeiro momento e em longo prazo aumentando nosso metabolismo, já que músculos gastam mais calorias que gordura.
Algumas sugestões de lanches para antes do treino:
½ mamão papaia ou outra fruta de sua preferência com aveia/granola, OU;
Cookies integrais e uma pêra, OU;
Cenourinhas (baby carrots) e uma barra de cereal com castanhas, OU;
Torradas integrais com geléia de fruta sem açúcar.

Durante o treino
Para treinos de até duas horas de duração ou com total de distância percorrida de até 10 km, não existe a necessidade de alimentação no período de treinamento. O mais importante aqui é não esquecer a hidratação – seja com água ou bebidas tipo gatorade!

Pós-treino
Principalmente na primeira meia hora após o treino, a hidratação é também bastante importante, já que assim estimulamos maior produção de urina e maior eliminação de substâncias resultantes do nosso metabolismo durante o exercício, indesejáveis ao organismo.
Alimentar-se após o treino é essencial. Aqui a estratégia nutricional mais adequada é a reposição de energia imediatamente depois do treino, buscando acelerar a recuperação, podendo diminuir a dor no dia seguinte e também preservar a proteína que é um componente nobre do músculo.  O carboidrato neste caso pode ser uma fruta ou suco de fruta natural, frutas secas ou barras de cereal. Deixe as refeições maiores e mais completas em nutrientes para uma hora depois de treinar.
O momento depois do treino é onde a formação de músculos está mais acentuada e para quem busca aumentar a massa muscular é preciso esclarecer: neste caso também o carboidrato faz com que a proteína seja utilizada para formação de músculos e não como fonte exclusiva de energia. O aumento de massa muscular não acontece pela ingestão isolada de proteínas,  e sim através de estímulos, que são trabalho de fortalecimento muscular e fornecimento de energia principalmente vinda de carboidratos.

Referências:
Novas estratégias da nutrição esportiva para quem busca a boa forma física. Nestlé Bio – nutrição e saúde. Ano 2, Volume 3. São Paulo, 2007.
Isensee M. Riciardi PM. Testa P. Kazapi IM. O que os ciclistas devem e podem consumir antes, durante e após atividade física: sugerindo preparações. Nutrição em Pauta. São Paulo; ano 16, n° 89, março/abril 2008.
Site Boa Saúde UOL, visitado em 09/08/2010:

Site Cyber Diet, visitado em 08/08/2010:

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Aluna R4W Assessoria Esportiva participando do Circuito Adidas - SP 10 km.

Melhorando seu tempo pessoal na distância.

Parabéns....

terça-feira, 1 de junho de 2010

A equipe R4W parabeniza o atleta Orlando, pelo resultado obtido no Troféu São Paulo 2ª etapa Ribeirão Pires. O desempenho no sinuoso percurso de 5 km lhe rendeu a 1ª colocação em sua categoria.

Mais um vencedor da Run For Win!

A Prova aconteceu no dia 30/05/2010

Parabéns... E que venha a próxima conquista!


Equipe Run For Win Assessoria Esportiva!

Corra para vencer, sua saúde depende de você!!!
Posted by Picasa
A equipe R4W parabeniza a atleta Glaucia, pelo resultado obtido no Circuito de Corrida I Run etapa Alphaville.O desempenho no sinuoso percurso de 5 km lhe rendeu a 5º colocação.Mais uma vencedora da Run For Win!A Prova aconteceu no dia 30/05/2010 em Alphaville.


Parabéns... E que venha a próxima conquista!


Equipe Run For Win Assessoria Esportiva!


Corra para vencer, sua saúde depende de você!!!
Posted by Picasa

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Vacinação contra a Influenza H1N1

HISTÓRICO DA INFLUENZA


Os vírus influenza são compostos de RNA de hélice única, da família dos Ortomixovírus e subdividem-se em três tipos: A, B e C, de acordo com sua diversidade antigênica. Os vírus podem sofrer mutações (transformações em sua estrutura). Os tipos A e B causam maior morbidade (doença) e mortalidade (mortes) que o tipo C.
Geralmente as epidemias e pandemias (epidemia em vários países) estão associadas ao vírus influenza A. As principais características do processo de transmissão da influenza são: alta transmissibilidade, principalmente em relação à influenza A; maior gravidade entre os idosos, as crianças, os imunodeprimidos, os cardiopatas e os pneumopatas; rápida variação antigênica do vírus influenza A, o que favorece a rápida reposição do estoque de susceptíveis na população; apresenta-se como zoonose entre aves selvagens e domésticas, suínos, focas e eqüinos que, desse modo, também constituem-se em reservatórios dos vírus. Outras informações podem ser encontradas no Guia de Vigilância Epidemiológica da Influenza/Ministério da Saúde.


Os sintomas da Gripe, muitas vezes, se assemelham aos do resfriado.
Resfriado: caracteriza-se pela presença de sintomas relacionados ao comprometimento das vias aéreas superiores, como congestão nasal, rinorréia, tosse, rouquidão, febre variável, e menso frequentemente mal-estar, mialgia, cefaléia. O quadro geralmente é brando, de evolução benigna (2 a 4 dias), mas podem ocorrer complicações como otites, sinusites e bronquites, e quadros graves , de acordo com o agente etiológico em questão. Tem como principal agente causal os Rhinovírus (mais de 100 sorotipos), embora também seja comumente causado pelo vírus Parainfluenza, Coronavírus, Vírus Sincicial Respiratório, Adenovírus, Enterovírus.


Há ainda outros agentes infecciosos, que podem causas sintomas respiratórios que simulam o quadro de resfriado, como Clamydia pneumoniae e Mycoplasma pneumoniae, Streptococcus sp. E agravos não infecciosos: uma série de condições apresentam os principais sintomas de resfriado (tosse, congestão nasal, rinorréia, rouquidão e dor de garganta), a saber: a rinite alérgica (mais comum); a polipose nasal, a rinite atrófica, as alterações do septo nasal e a presença de corpo estranho em cavidade nasal.


As primeiras suspeitas de infecção pelo vírus Influenza ocorreram por volta do século V a.C. por Hipócrates, conhecido como pai da medicina, que relatou casos de uma doença respiratória que em algumas semanas matou muitas pessoas e depois desapareceu.
A primeira epidemia de gripe ocorreu em 1889 e 300 mil pessoas morreram, principalmente idosos, em decorrência de complicações, como pneumonia bacteriana secundária. Em 1918, a epidemia conhecida como Gripe Espanhola acometeu cerca de 50% da população mundial e vitimou mais de 40 milhões de pessoas. No Brasil, cerca de 65% da população foi infectada e por volta de 35.240 pessoas morreram.


A gripe asiática, em 1957, se espalhou pelo mundo em seis meses e matou cerca de um milhão de pessoas. A gripe de Hong Kong, em 1968, são as mais recentes e de maior repercussão epidemias relatadas, juntamente com a gripe aviária. Em 2003, um surto da gripe aviária na Ásia levou as autoridades a ordenarem o sacrifício de dezenas de milhões de aves de criação. De lá pra cá a doença atingiu 121 pessoas e matou 62 naquele continente.


O governo federal iniciou uma campanha de vacinação contra a Influenza H1N1, saiba como funciona e veja no calendário o dia em que deve-se vacinar clicando aqui. http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=1616

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Materia Desenvolvida para revista Dieta Já - Fev/2010 pag. 29 à 37

Exercícios com Thera-band do pilates + atividade aeróbica


Nos dias atuais, o cotidiano urbano das grandes cidades favorece a manutenção de uma vida sedentária. Não é incomum que as pessoas percam horas com o transito e que passem por jornadas extensas de trabalho.
Os maus hábitos alimentares associados à ao estresse do cotidiano estão intimamente ligados com os autos índices de obesidade e doenças hipoativas.
Antigamente muito se falava sobre os benefícios dos exercícios aeróbios para perda de peso. O consenso atual fala sobre o gasto calórico que acontece, não só nas atividades aeróbias, mas também nos exercícios resistidos e de alongamento.
A prática ideal de exercícios físico é aquela que abrange exercícios de alongamentos, exercícios resistidos e condicionamento aeróbio.
Pois bem, o que não podemos esquecer é que se inserirmos de 30 a 60 minutos de atividade aeróbia como a caminhada que, se bem orientada com relação à intensidade, promove ganhos significativos em qualidade de vida, podemos aumentar consideravelmente o gasto calórico.
E porque não acrescentar os exercícios do pilates + atividade aeróbica?
Para alcançarmos as metas de emagrecimento usaremos os exercícios com o thera-band provenientes das técnicas de pilates associados à pratica de atividades aeróbias como caminhar, correr, andar de bicicleta, praticar atividades aquáticas como a natação, dançar entre outros esportes que possam promover gasto calórico significativo.
Vale lembrar que, para que o emagrecimento possa de fato ocorrer é necessário, a aplicação correta dos exercícios e isso depende muito da experiência do personal trainer. Exercícios realizados sem orientação podem trazer sérios transtornos como desvios posturais e lesões musculares e ósseas, alem do que dificultam a obtenção do resultado esperado.
Ressaltamos também que, de acordo com o metabolismo, a velocidade do emagrecimento pode variar muito de pessoa para pessoa, por isso a importância de uma orientação nutricional.
O alcance das metas depende também de sua motivação portanto estipule metas sempre alcançáveis mas que não sejam aquém de suas capacidades, seja determinado e fique muito atento as respostas do seu corpo.
Com nossas dicas, pegue já seu tênis e o calção e curta o treino.




Vejam nossos exercícios!
Peitoral (Músculos do peitoral porção maior)
3 séries de 15 repetições.
Sentada numa cadeira, passe o thera-band por trás do encosto, mas mantenha-o firme na mesma posição. Feche os braços simultaneamente, contraindo os músculos do peito e volte a posição inicial.


Costas ( Músculos da escapula - torácica e cintura escapular, Braquial, bíceps, trapézio, deltóide feixe posterior, redondo maior e grande dorsal)
3 séries de 15 repetições.
Prenda o thera-band em lugar fixo. Flexione as duas pernas e mantenha a coluna reta. Flexione e estenda os braços, contraindo a musculatura das costas.


Bíceps (músculo bíceps do braço e braquial)
3 séries de 15 repetições
Em pé, pernas flexionadas e apoiadas sobre o thera-band, prendendo-o firmemente. Flexione e estenda os braços simultaneamente e de forma lenta.


Tríceps (Músculos Vasto medial do tríceps, lateral, porção longa do tríceps e acôneo)
3 séries de 15 repetições de cada lado
Em pé, pise numa das pontas do thera-band (ou no meio, de acordo com a resistência que desejar). Estenda um dos braços para cima, segurando a outra ponta do thera-band. Estenda e flexione o braço. Troque o lado.


Ombro ( Músculo Deltóide )
3 séries de 15 repetições.
Em pé, pise numa das pontas do thera-band (ou no meio, de acordo com a resistência que desejar). Estenda um dos braços para cima, segurando a outra ponta do thera-band. Estenda o braço, semi-flexionado pela lateral até a altura do ombro e volte a posição inicial. Troque o lado.




Agachamento afundo, para coxas e bumbum (Músculos Reto da coxa, Vasto medial e lateral, Glúteo Máx.)
3 séries de 15 repetições.
Em pé, afastamento Antero-posterior (um pé na frente, outro atrás). Passe o thera-band por trás dos ombros. Flexione e estenda as duas pernas simultaneamente, mantendo um ângulo de 90 graus na flexão dos joelhos.


Glúteos (Músculo Glúteos Máximo)
3 séries de 20 repetições.
De barriga para baixo, com os cotovelos, joelhos e pés apoiados no chão. Prenda o thera-band com um dos joelhos. Encaixe o outro pé na alça do elástico. Estenda e perna para cima e flexione-a novamente. Não curve as costas.


Culote (Glúteo médio)
3 séries de 20 repetições.
Deitada de lado. Prenda o thera-band com a perna que está embaixo e a outra ponta com a perna de cima. Suba e desça a perna que está em cima.


Abdome (Músculos reto do abdome, Oblíquo externo e interno)
5 séries de 30 repetições.
Deitada de barriga para cima, pernas flexionadas. Passe o thera-band por trás do pé de uma mesa (a mesa tem que ser bem pesada e difícil de se mover). Segure nas alças do elástico. Suba o tronco, contraindo a musculatura abdominal e desça até a metade também fazendo contração do abdome




De qual forma acontece o processo de emagrecimento?


Com a pratica dos exercícios com thera-band associados aos aeróbios, é aumentada a utilização do ATP (adenosina tri-fosfato, geradora de energia para realização dos exercícios). Para homeostase do nosso organismo, esse ATP precisa ser ressintetizado, isso ocorre por meio de complexos processos bioquímicos e através de moléculas de carboidratos, proteínas e gorduras. Essa interação de síntese e ressintese de ATP promovem aceleração no metabolismo.
A obtenção de energia através do tecido adiposo é possível pelo estimulo aeróbio da seguinte forma:
Em nosso organismo, a classe mais abundante lipídeos está sob a forma de triacilglicerol (TAG) que, por sua vez, representa uma importante fonte de energia. O TAG é composto por três moléculas de acido graxo ligadas a uma molécula de glicerol.
O estímulo aeróbio provoca a secreção de enzimas que realizam a separação das moléculas de acido graxo ligadas ao glicerol. Essa separação das moléculas, além de resultar em alta produção de ATP, acaba por eliminar o lipídio, promovendo assim o emagrecimento.
Com a redução do percentual de gordura, os músculos ficam mais expostos tendo assim a necessidade de eliminar a flacidez. Os exercícios com elásticos atuam principalmente na definição e tônus muscular.
De acordo com a intensidade, os exercícios com elástico podem ser considerados aeróbios ou anaeróbios. No primeiro caso, tendo a intensidade moderada e volume alto, o emagrecimento acontece pelos mesmos fenômenos descritos em parágrafos anteriores.
Com aumento da intensidade e redução do volume, podemos obter o emagrecimento também por vias anaeróbias com o aumento do gasto calórico através de outros acontecimentos bioquímicos.
Daí, mais uma vez a importância do acompanhamento de um profissional de Educação Física capacitado para identificar essas nuances e aplicar um treinamento de qualidade.




Dicas para prática dos exercícios:
Realize exames médicos periódicos, para que você saiba se esta apta (o) a realizar algum tipo de atividade física.
Evite atividade no período em que o sol está mais intenso, entre 10:00h e 15:00h.
Hidrate-se antes, durante e depois dos treinos.
Use roupas leves e confortáveis, dê preferência aos tecidos que absorvam o suor.
Tenha o calçado adequado a atividade praticada.
O acompanhamento de um profissional de educação física é imprescindível, lembre-se de consultar um profissional capacitado para saber qual é a melhor prática e estratégia para alcançar seus objetivos.


Por: Professor Erivaldo Moreira (Branco)